início do conteúdo

Desafios e linhas de ações na Pós-Graduação são temas de fórum no WorkIF

Publicado em: Reitoria / 28 de Novembro de 2018 às 15:09

A Pós-Graduação Stricto Sensu no Brasil: desafios, oportunidades e linhas de ação foi tema do Fórum de Pós-Graduação do IFMT, realizado na manhã desta quarta-feira (28), dentro da programação do 5º Workshop de Ensino, Pesquisa, Extensão e Inovação (WorkIF), no Centro de Eventos do Pantanal, em Cuiabá. A discussão foi mediada pelo professor Dr. Jeferson Gomes Moriel Júnior (IFMT), com participação do professor Dr. Clodoaldo Machado (IF Santa Catarina), professora Dra. Ozenira Oliveira (UFMT) e professor Dr. Rodrigo Zanin (Unemat).

Clodoaldo destacou que o fortalecimento da Pós-Graduação passa pela identificação do público prioritário, como quem já está no mercado de trabalho. “Esse é o público que temos que atender prioritariamente, vir para o programa profissional. Ele vai trazer a problemática da comunidade e aí vamos fazer pesquisa a partir desta demanda. Meu entendimento é que isso deveria ser consequência. Fortalecer a pós-graduação significa primeiro colocarmos pesquisa transversalmente em todos nossos níveis de formação. Amparar pesquisa fortemente como princípio educativo. Isso converge para o que temos visto aí, um mercado altamente dinâmico, onde há profissões que desaparecem e se precisa de um profissional que se adapta muito rapidamente às mudanças de tecnologia”.

Machado ainda destacou a formação com flexibilidade do profissional. “Se o caminho é formar um agente profissional capaz de atuar de forma flexível, que construa seu conhecimento de forma autônoma para dar conta disso, se já vamos ter essa obrigação como uma escola técnica, de formação profissional, se isso é feito prioritariamente ou exclusivamente para pesquisa, estamos convergindo com as coisas. Temos um ranking de facilidades”, declarou. “Fortalecendo as pesquisas nos Institutos Federais, naturalmente vamos produzir mais cientificamente, atender mais demandas da sociedade, impacto social, internacionalização, contribuição”, acrescentou.

Ozenira também reforçou a autoavaliação em relação aos critérios para Pós-Graduação. “É preciso nos avaliarmos. Isso não deve acontecer somente por parte das universidades já consolidadas. Precisamos sim, que pesquisadores da nossa região inclusive participem da elaboração de critérios da própria autoavaliação”.

O WorkIF começou nesta terça-feira (27) e segue até quinta-feira (29), com uma programação extensa e variada. São fóruns, palestras científicas, mesas-redondas, stands de exposição, banners inéditos e de jornadas científicas, projetos de ensino, pesquisa, extensão e inovação, apresentações culturais, protótipos de produtos e resultados de pesquisas para um público aproximado de 4 mil pessoas.

                                                                                         (Fonte: Wheverton Lacerda - IFMT Campus Pontes e Lacerda)

Marcadores: ifmt_1 workif_3

início do rodapé

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso - Campus Sorriso

Av. dos Universitários, 799, Bairro: Santa Clara - CEP: 78890-000

Telefones: (66) 3545-3700 (65) 99961-2297 - (65) 99985-6928

Sorriso/MT